Ter um blog está definitivamente na moda, nem que seja para escrevermos daquelas coisas que ninguém quer ouvir...bem!!... como eu não ligo muito a essas coisices de moda, devo estar mesmo com necessidade de dizer coisas parvas e que não interessam nem ao menino Jesus :D Vamos lá ver o que sai daqui.

sábado, 20 de fevereiro de 2010

Sr.Adolescente...

Se não se importa passo a descrever:

Humor oscilante, muito oscilante. Um dia eutimico outro dia disfórico; ansioso; ora deprimido ora com um toque exagerado de euforia. Desconheço como descrever o teu estranho estado de ser.
Talvez sejas um descompensamento hormonal intenso que marca uma fase medonha na linha da vida de todos nós…mas que no fundo nos ajuda a crescer.
Todos te compreendem porque por eles já passas-te, mas não deixas de ser um estranho e mimado estado que desconhece o que ambiciona, sente apático as situações extremas e exageradamente o irrelevante, capaz de agir sem reflexão, chorar perante piadas, rir quando existe dor, amar quem te mal trata, desprezar quem te quer bem.
Compreendo-te porque por mim também passas-te, com a intensidade devida…que me fez bem, não nego…
Mas cada vez mais, quando te olho nos Jovens de hoje apetece-me perguntar: Sr. Adolescente, quando é que cresce?
Pandora 2010 (Sr. adolescente, é dessa forma que pretende crescer?)

5 comentários:

AlexB disse...

…contudo nunca deixaremos de nos sentir adolescentes, nunca deixaremos de crescer, mesmo quando achamos que já somos bastante adultos!!!...

Gravepisser disse...

Eu pessoalmente, não tive adolescência, e como tal não te posso dizer que compreendo toda essa estupidez inerente à idade, porque não compreendo. Eu não era assim, por isso não aceito que se estereotipe o conceito "adolescente", pois ele varia muito de pessoa para pessoa.
Agora que a juventude de hoje está completamente perdida, é algo de que não tenho a menor dúvida, e se este país já estava condenado muito antes de os jovens de hoje terem nascido, com eles ao leme, bem podemos temer, e muito, pelos nossos futuros...

(Eu sei que falo como se fosse muito velho, mas às vezes, pese embora ainda não ter 25, sinto que tenho uns 60...) :X

Beijo

João disse...

calate... eu bem vejo essas ressacas fenomenais e já não és adolescente...

agora é um projecto d enfermeira pronto. ahahah

Fábio Silva disse...

Escrevi há uns tempos no meu blog um texto que falava sobre a adolescência; fase em que eu agora me encontro. Bem, o teu texto está bastante diferente do meu.
Revejo-me naquilo que escreveste. E ainda estou a caminhar para sair dessa fase. tenho dezassete, e não é com dezoito anos que saímos da adolescência. Podemos ter vinte e ainda sermos adolescentes. Vamos, com um fruto, amadurecendo.
Gostei do teu texto, gostei do teu blog.
Continua ;)

Pandora disse...

é uma fase que marca a vida de todos nós sem duvida ;)na altura que a estamos a viver parece um autentico furacão, mas depois deixa boas recordações e aprendizagens que ficam para a vida...

Obrigado pela vista